Carregando... Aguarde...
Home
ENCAPSULADOS
Ervas
Tempero
TINTURA

Newsletter



Passe o mouse na imagem para zoom

  • CIPÓ-MIL-HOMENS

Há vários cipós medicinais chamados cipó-mil-homens.

Recebem também os nomes de cassaú, angelicó, papo-de-peru e outros.

Tratamos aqui do que tem o nome científico Aristolochia triangularis, da

família  Aristolochiaceae. O nome científico, Aristolochia, vem do grego

e significa que é um remédio para um bom parto, o que nos lembra que

já era usado por gregos e romanos. O nome popular é explicado assim

por um historiador riograndense: ?Esta trepadeira ou cipó é da família

das Aristolochiaceae e veio-lhe tão rara denominação de uma ocorrência

que tivera um curandeiro brasileiro. Expondo a energia que tem esta

planta como contra-veneno da mordedura de jararaca,  disse que tinha

curado, por meio dela, mais de mil homens?.



CIPÓ-MIL-HOMENS
Avaliação dos clientes: ( )

Preço: R$ 10,00





Compartilhe




  • Descriçao do Produto
  • Comentários de Clientes
  • Video do Produto

CIPÓ-MIL-HOMENS

Há vários cipós medicinais chamados cipó-mil-homens.

Recebem também os nomes de cassaú, angelicó, papo-de-peru e outros.

Tratamos aqui do que tem o nome científico Aristolochia triangularis, da

família  Aristolochiaceae. O nome científico, Aristolochia, vem do grego

e significa que é um remédio para um bom parto, o que nos lembra que

era usado por gregos e romanos. O nome popular é explicado assim

por um historiador riograndense: “Esta trepadeira ou cipó é da família

das Aristolochiaceae e veio-lhe tão rara denominação de uma ocorrência

que tivera um curandeiro brasileiro. Expondo a energia que tem esta

planta como contra-veneno da mordedura de jararaca,  disse que tinha

curado, por meio dela, mais de mil homens”.

 

Se reconhece o cipó-mil-homens pelas folhas triangulares,

alongadas, pela flor pequena em forma de jarrinha, e principalmente pelo

cipó, que pode engrossar até vários centímetros e é coberto de uma casca

de cortiça toda fendilhada. O cipó cortado ou descascado desprende um

cheiro forte e característico.

 

Seus usos populares são assim resumidos nas bibliografias: é um

remédio nas febres em geral. Tônico, estimulante, estomacal, melhora o

apetite, estimula os rins, o baço e o fígado, combate cólicas intestinais,

constipação do ventre, diarréia, apendicite, ajuda a provocar regras, não é

aconselhado durante a gravidez, é abortivo; afugenta cobras e cura suas

picadas, é antídoto; usado nos estados nervosos como histeria,

convulsões epilépticas, dor ciática, dor no coração, nas cadeiras,

nevralgias, reumatismo, depurativo; o pó serve para curar feridas. No

interior toma-se muito como aperitivo cachaça com cipó-mil-homens.

Também no interior encontra-se ainda às vezes a crendice, totalmente

descabida, de que as cobras mamam o leite das vacas.  Os que creêm

nesta lenda conhecem também o remédio para afugentar as cobras:

enrolar um pedaço de cipó-mil-homens no pescoço da  vaca.

Semelhantemente diz também a nossa tradição que “para conseguirem os

índios a preservação da mordedura ofídica, trazem junto ao corpo um

pedaço deste cipó”. 33

Pedido Fone: 43 3325 5103

Escreva seu próprio comentário para o produto

Comentários Enviados

Este produto não recebeu nenhum comentário até agora. Seja o primeiro e enviar um comentário para este produto!